Modo de usar:

.......................................Espaço de Educação Musical para pais, alunos, amigos e colegas de profissão da professora Luciana.

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Aula 21 - Maternal e Infantil I - Plantinhas

Sobre o tema da aula

Crianças tem uma afeição natural pela natureza. E são muito curiosas quanto a ela. Se você as deixar livre num ambiente propício, elas são capazes de passar hroas explorando e conhecendo os detalhes da vida natural. Infelizmente no tempo em que vivemos, onde até os parques são por demais urbanizados, nem sempre as crianças tem a oportunidade de conviver e manipular elementos naturais, tão necessários à saúde do corpo e da alma: brincar com o sol, o vento, a água, as plantas, os animais. Nossa intenção com essa aula foi chamar atenção delas para o universo de sons que podem encontrar no movimento e na inspiração das plantas.

 Como foi?

Comece pedindo que fechem os olhos e ouçam os sons da natureza. No Youtube há vários vídeos com diversos sons do tipo: água, vento, chuva... mas nessa aula quisemos explorar o som das árvores. Se puder, arrume colchonete ou tapetes para eles deitarem e apenas ouvirem em silêncio. à medida que vão ouvindo, peça que atente para detalhes de um pássaro, do som do farfalhar das folhas, para a intensidade que varia, suave e forte... peça que imaginem como são essas árvores, se são altas, baixas, escuras, verdinhas, brilhantes, cobertas de flores ou frutas...


Peça que escutem a história que você vai contar (antes que durmam!). Primeiro interprete-a você mesma par que eles vejam, e depois conte novamente pedindo a particapação de todos. Repare que a história é cheia de movimentos, atente para cada um deles.

"Várias sementinhas pequeninas estavam escondidas no chão.(deitados de barriga para cima)
Elas dormiam um sono... dormiam um sono... sossegado e bom. (olhos fechados)
Veio a chuva e molhou as sementinhas. (mãos se agitam par acima)
E depois o sol brilhou lindo no céu. (mãos fazem um arco)
De repente, as sementinhas acordaram. (crianças sentam)
Devagarinho, devagarinho, as plantinhas começaram a aparecer. (Se movem para um lado e para o outro)
Esticaram os galhos e ficaram ajeitadas. (esticam os braços)
Depois cresceram, cresceram e enrroscaram-se no valar. (Crianças levantam girando em torno de si)
E cheinhas de flores, alegraram o quintal!" (crianças pulam e batem palmas)


  Agora é o momento perfeito para cantar esse clássico:


Com bolinhas plásticas, do tipo que se usa em piscina de bolinhas, eu fiz esses chocalhos. Mas coloquei materiais diferentes dentro deles. Neste momento da aula falamso sobre como as árvores nascem, e eu disse às crianças que algumas dessas bolinhas eram sementes de limoeiro (bolas com arroz) e outras eram sementes de jacarandá (bolas com guizos). Se possível, mostre imagens dessas árvores. Depois dê uma ou duas bolinnhas a cada uma e peça que descubram se a sua "sementinha" é de limoeiro ou de jacarandá. Enquanto elas fazem isso, cante "Meu limão, meu limoeiro".





A atividade a seguire ensina sobre as frases musicais. Na primeira frase, batemos com o cabinho do "mamãe-sacode" no chão, como se estivéssemos cavando um buraquinho para plantar a árvore. Na segunda frase, sacodimos ele para ouvir o barulhinho da chuva. Meus pequenos fizeram beeem diretinho :-)

Vou plantar.wma
 



Agora falamos sobre cravos e rosas. Trabalhei duas músicas com a mesma proposta: quando cantar sobre o cravo, a criança toca um instrumento, quando cantar sobre a rosa, a criança toca outro instrumento. Primeiro eu cantei a música abaixo, para demosntrar o que fazer.

No meio do canteiro
eu coloquei um caso e plantei um cravo
que cresceu feliz.
Vem ver que lindo cravo
é oc ravo branco
é o cravo branco 
que enfeita meu jardim.

No meio do canteiro
eu coloquei um vaso e plantei uma rosa
que cresceu feliz.
Vem ver que linda rosa
rosa amarela
rosa amarela
que enfeita o meu jardim. 

O cravo e a rosa, que era um tambor de mão com papel crepom ao redor, preso com fita. Nossa, mas que papada a minha, tenho que emagrecer, hahaha

 A seguir trabalhei a música "O cravo brigou com a rosa" para eles tocarem. Os instrumentos escolhidos foram a maraca e o martelo sonoro.



Na canção a seguir trabalhamos a forma A - B. Embora isso seja bem simples, a levar a criança perceber isso musicalmente é uma conquista significativa para que ela mesma possa, num estágio posterior, fazer suas composições de forma estruturada. Cada criança ficou com um lenço e uma maraca em forma de flor na mão. Conforme a parte elas agitaram um ou outro.



Olha rosa amarela
tão mimosa e tão bela
Olha rosa amarela
tão mimosa e tão bela

Iaiá meu lenço
pra me enxugar
essa despedida 
já me fez chorar 




Fizemos uma roda com a música abaixo. Na primeira parte rodamos a roda grande, na segunda parte, separamos as crianças em pares para rodar.


Entrei num jardim com flores.wma  





A música abaixo foi herança do meu curso de música, nas saudosas aulas de musicalização do professor Flávio Medeiros.Com ela podemos trabalhar a escala musical, a percepção de grave e agudo, e também introduzir a questão: do que as plantinhas precisam para crescerem bonitas?



Emendamos com a música abaixo para fazer um jogo: separe três grupos de instrumentos diferentes, em quantidade que cada criança possa ter um. Se puder, coloque cada grupo sobre um tapete com uma palavra a qual eles representarão: ÁR, ÁGUA, LUZ. Explique às crianças que quando você pedir AR, elas deverão fazer o som daquele isntrumento, e assim sucessivamente. Depois devem recolocar os instrumentos no liugar e a brincadeira recomeça.

As plantas.wma

Sou uma planta, preciso de você (2x)
Sou uma planta preciso de (ar, água, luz)
e solo pra viver.


Aproveitando que estão com o instrumento, estabeleça uma célula rítmica simples para eles tocarem em cada resposta da música POMAR, da Palavra Cantada (a pergunta é a fruta e a resposta é o nome da árvore que dá a fruta).




Dicas para pais

As cantigas de roda, além de proporcionarem socialização, também desenvolvem a coordenação motora em crianças pequenas. Pode parecer simples para um adulto, mas cantar e andar, ritmicamente, "acertando o passo" de modo a fazer a roda girar, é um grande desafio para uma criança. O que parece apenas uma brincadeira vai ajudá-la, futuramente a coordenar os movimentos para ler, escrever e praticar esportes.

Tire tempo para brincar de roda com seu filho, se possível com a família toda. Tente lembrar das cantigas de sua infância. Você pode começar desenhando um círculo no chão com giz para ajudá-la a compreender que a roda faz um círculo. Depois que já estiver conseguindo roda em sincronia, acrescente movimentos de pular, agachar, bater palmas.... e boa diversão!

BAIXE AQUI CDs de cantigas de roda. Você vai precisar do programa WinRar para descompactar os arquivos, e extrair as músicas deles.



Dicas para professores

Uma música que pode ser trabalhada com esse tema é "A Linda Rosa Juvenil". Primeiramente, faça um pequeno teatro de fantoches, contando a história narrada pela música. Depois explore cada personagem, seus gestos, sua atuação. Você pode encená-los de forma coletiva, com a participaçao de todos em roda, ou individualmente como no vídeo a seguir. O resultado pode ser apresentado em alguma festividade da escola como culminância de um projeto sobre plantas, flores ou natureza.



Nenhum comentário:

Postar um comentário